Vale a pena alugar apartamento em 2021?

É inegável que a pandemia ocasionada pela COVID-19 trouxe várias modificações para o mercado, inclusive o imobiliário. Por isso, muitas pessoas andam se questionando se vale a pena alugar apartamento. Muitas mudanças no setor são esperadas, afinal, esta fase inesperada mudou a maneira de relação entre os consumidores.

Para que você possa entender melhor essas mudanças, é importante ressaltar alguns pontos que se relacionam com o mercado imobiliário. No fim, a decisão acerca de alugar apartamento poderá ser feita de modo mais assertivo.

Qual é a relação entre a pandemia e o mercado imobiliário?

A população, de uma maneira geral, sofreu com diversas alterações ao longo do ano de 2020 e continua a sofrer em 2021. A pandemia pegou a todos de surpresa, manifestando-se de forma rápida e dominando todo o país. Com isso, o setor de consumo caiu gradativamente, visto que as condições financeiras da população também foram afetadas.

Por causa do surgimento de um novo vírus, boa parte da população brasileira precisou tomar medidas de segurança, a fim de evitar a contaminação em massa. Isso acabou resultando também na ausência de locomoção pelas ruas e, consequentemente, na mudança para novos locais, como apartamentos e casas.

O mercado de trabalho foi um dos setores mais atingidos e, por isso, os empregos começaram a ficar reduzidos, com corte de pessoal e demissões voluntárias em muitos estabelecimentos. Com um poder aquisitivo menor, as chances de comprar uma propriedade ou até mesmo móveis caíram bastante.

Vantagens de alugar apartamento

Se você está pensando em alugar um apartamento, mas não sabe quais são as vantagens, este tópico pode ajudar. 

A primeira das vantagens se relaciona com a flexibilidade de contrato que você obtém ao alugar um apartamento. Mudar de cidade ou bairro vem se tornando bastante comum e, por isso, um contrato de locação é bastante vantajoso, visto que tem um prazo extremamente curto, mas ainda pode ser renovado ou rescindido com bastante facilidade.

Além disso, manutenções, reformas e consertos podem acabar saindo bem caro para o seu bolso. Por isso, na hora de alugar um apartamento, você poderá escolher aquele que mais te agrada, tanto em relação ao espaço, quanto à decoração.

Desvantagens de alugar apartamento

Junto com a crise na economia, existem algumas desvantagens que merecem ser citadas na hora de alugar um apartamento. Por isso, antes de tomar qualquer decisão, o primeiro passo é refletir acerca dos prós e contras, para saber se está indo no caminho certo.

A primeira desvantagem é a mobília do antigo lar, mas isso só acontece se você alugar um apartamento mobiliado. Não é vantajoso tomar essa decisão, visto que será preciso se desfazer de alguns itens. Além disso, alguns dos seus móveis farão falta se for necessário se mudar mais uma vez.

A decoração do apartamento também implica em mais uma desvantagem. Se você quer viver em um ambiente onde tudo se molde ao seu estilo, será um pouco mais difícil. Ainda que utilize alguns itens de decoração diferentes, poderá deixar seu apartamento com uma aparência mais “artificial”.

 

Alugar um apartamento é um investimento sem retorno. Quando você adquire um imóvel próprio, este deixará de ser um gasto fixo a longo prazo e fará parte dos seus bens. Já o aluguel, é algo que você pagará para sempre e nunca será seu, de fato. 

 

Uma saída para este problema, é comprar imóvel em leilão. Esta é uma opção mais barata e que pode ser bastante vantajosa para quem está com a grana curta mas não abre mão de realizar o sonho da casa própria. 

Agora que você já sabe que é possível participar de um  leilão de imóveis e não quer mais alugar apartamento, podemos te contar como funciona um leilão

Um leilão pode acontecer tanto presencialmente quanto remotamente, onde o item, ou neste caso o imóvel, será colocado à venda e passará por uma disputa entre todas as pessoas presentes, que possuem interesse em adquiri-lo. Um leiloeiro intermediará o evento e será o responsável por analisar o participante que, ao final do leilão, deu o lance de maior valor. Este será o arrematador e se tornará o dono do imóvel leiloado.