Tudo o que você precisa saber para comprar imóvel em leilão

Tudo o que você precisa saber para comprar imóvel em leilão

Comprar imóvel em leilão pode ser uma excelente alternativa para você adquirir a sua propriedade com preços acessíveis. Além disso, esse mercado de negociações públicas está crescendo a cada dia e pode ser uma grande oportunidade de investimento. 

Se você deseja saber mais sobre os leilões de imóveis e as suas vantagens, acompanhe o post que o blog da Sodré Santoro preparou e faça a sua negociação! 

Comprar imóvel em leilão: vale a pena?

Os leilões são modalidades de venda e compra pública que destacam-se por oferecer itens dos mais diversos segmentos por preços bem abaixo do mercado. Dessa forma, você pode arrematar propriedades, como casas, apartamentos e terrenos, com um excelente custo-benefício. 

Além dos baixos preços, os leilões oferecem diversas vantagens que fazem a participação nesses eventos realmente valer a pena. Conheça alguns dos benefícios que você pode aproveitar!

  • Compra 100% segura; 
  • Variedade de imóveis e terrenos; 
  • Você determina quanto quer gastar; 
  • Oportunidade de negociação; 
  • Modalidade online: você arremata um lote sem sair de casa.

Conheça os tipos de leilões de imóveis

Há dois tipos de leilões que você pode participar para adquirir o seu imóvel: judiciais e extrajudiciais. Cada uma dessas modalidades possui suas características específicas e apresenta diferentes procedências de seus lotes. Confira mais sobre as especificações de cada tipo de leilão. 

Leilão judicial

Os leilões judiciais de imóveis são eventos de venda pública onde qualquer pessoa física ou de representação jurídica, maior de 18 anos, pode participar. Este tipo de modalidade de negociação ocorre somente por meio de um processo determinado pelo juiz do Tribunal da Justiça e tem o intuito de penhorar e vender o bem em questão para quitar dívidas que o proprietário do imóvel possua, como débitos com o condomínio, por exemplo.  

Leilão extrajudicial

A modalidade de leilão extrajudicial, diferentemente do judicial, que necessita da intervenção de um juiz, ocorre com a autorização do proprietário do imóvel ou um representante legal. Esse evento é realizado por empresas privadas, como instituições financeiras e construtoras, que, depois de inadimplências no pagamento contratual, leiloam a propriedade para quitar o débito restante. 

Cuidados na hora de comprar imóvel em leilão

Antes de arrematar a sua propriedade é de extrema importância ler a descrição do lote e o edital da gestora leiloeira de sua preferência, para saber qual é a real situação do lote, pois não é possível desistir da compra após dar o seu lance. Esse passo é essencial para você realizar uma boa negociação, visto que, muita vezes, os imóveis em leilão ainda estão ocupados pelo antigo proprietário ou por inquilinos. Dessa forma, não é possível realizar uma visita e avaliá-lo previamente. 

Saiba mais sobre o universo dos leilões e faça um excelente negócio!

Agora que você já sabe tudo sobre esse tipo de negociação, leia também o nosso post sobre como comprar imóvel em leilão e confira as dicas do blog da Sodré Santoro para arrematar o seu lote!